segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Carnaval






                   Carnaval







Eu sempre fui de brincar                         Mas, houve alguém que chegou     
De sorrir, de cantar                                Quando a festa acabou      
De viver a vontade                                 Quando já era tarde    
Nos carnavais foliões                              Trouxe alegria melhor     
Em diversos salões                                 Um sorriso maior 
Quanta felicidade!                                  Plena felicidade!

E na brincadeira de viver                         Hoje eu sei de fato o que é cantar 
Brinquei demais                                     E brincar e sorrir    
E quis morrer                                         Tudo é mais bonito   
Risos passageiros, falsas alegrias             E nada mais seduz
Lágrimas, angústias                                Do que ter alguém como Jesus       
Tristes fantasias                                     Trás esperança, alma de criança  
                                                            Vida eterna e confiança     
Dia a menos dia                                      Em seu imenso amor e luz. AD
Descobri que resta
Cinza em plena quarta-feira
Prá comemorar   

                    
Vivendo os dias do carnaval, quando o país inteiro celebra, não se sabe ao certo o quê, vale a pena esclarecer a origem dessa celebração.

Mulheres seminuas, carros alegóricos, fantasias, críticas ao governo, enfim, tudo é válido para tirar o indivíduo da dura realidade por alguns dias.
Entretanto, de todas as alegorias, esta é a mais triste: milhares de jovens se envolvem com drogas; adquirem uma gravidez prematura ou doenças sexualmente transmissíveis, incluindo a AIDS; apesar do esforço das autoridades em esclarecer à população sobre todos esses riscos. Aliás, o que os governos ganham com o turismo durante esses dias, eles perdem muito mais com o sistema de saúde e de vigilância. Verdadeiramente, esse não é um bom negócio em muitos aspectos. 

O que representa a festa do carnaval?

O carnaval é uma festa que já existe há muitos anos. Se observarmos as Escrituras Sagradas, podemos verificar que festas semelhantes a esta eram realizadas por povos que viviam distantes de Deus (Gênesis 18,19 e Exodo36) mais tarde, na Itália, surge uma festa chamada carnavale, que quer dizer "o tempo em que se faz uso da carne."

Hoje em dia, no Brasil, o carnaval é uma festa que acontece nos três primeiros dias que antecedem a quarta-feira de cinzas, e é realizado com o intuito de incentivar as pessoas a fazer tudo o que tem vontade, sem restrições. É uma forma de liberdade para realizar o que a vontade carnal deseja, como: prostituição, vícios, mentiras, adultério, brigas, contendas e muitas outras coisas escondendo-se atrás dos “dias de folia.” Não há a menor preocupação entre as pessoas que participam desta festa em agradar a Deus ou praticar o que é certo. Mas, uma vontade de guiar a si mesma para os prazeres da carne.
Se procurarmos no dicionário o significado da palavra carnaval, podemos observar que ela tem como sinônimo as palavras “confusão, desordem e orgia”, coisas que não nos trazem benefício algum, pelo contrário, nos afasta de Deus.       
A Bíblia apresenta uma outra proposta de alegria e diversão. É a alegria da paz interior. A alegria de ver o mundo, homem e Deus, o Criador, de uma forma completa e integrada. Essa é a verdadeira festa.
As pessoas se escondem atrás de máscaras e fantasias na tentativa de amenizar o sofrimento e o vazio interior da vida cotidiana, vivendo por quatro dias uma falsa alegria. Há um verso de Vinícius de Moraes que ilustra bem toda a ilusão do carnaval: “A gente trabalha o ano inteiro por um momento de sonho para fazer a fantasia de Rei, ou de Pirata, ou Jardineira e tudo se acabar na quarta-feira”. A essas palavras eu acrescento os sábios pensamentos de Salomão: 
"Alegra-te, jovem, na tua juventude, e recreie-se o teu coração nos dias da tua mocidade. Anda pelos caminhos do teu coração, e pela vista dos teus olhos, mas sabe que por todas estas coisas te trará Deus a juízo." (Eclesiastes 11:9). 

Além de tudo, a Bíblia nos ensina que quando queremos conhecer se a árvore é boa ou má, devemos olhar os seus frutos, sendo assim, podemos observar que os frutos do carnaval são totalmente maus, uma vez que as pessoas ficam embriagadas, sofrem acidentes, muitos cometem assassinatos, outros traem, se prostituem, brigam, são contaminados pelo vírus da AIDS, famílias são destruídas, etc.            
Se quisermos andar com Deus, devemos nos afastar de tudo que O desagrada, e para aqueles que O amam isso não é um sacrifício, mas um dever diário.

‘’Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade; porém não useis da liberdade para dar ocasião à carne; sede, antes, servos uns dos outros, pelo amor.  Porque toda a lei se cumpre em um só preceito, a saber: Amarás o teu próximo como a ti mesmo.  Se vós, porém, vos mordeis e devorais uns aos outros, vede que não sejais mutuamente destruídos.  Digo, porém: andai no Espírito e jamais satisfareis à concupiscência da carne.  Porque a carne milita contra o Espírito, e o Espírito, contra a carne, porque são opostos entre si; para que não façais o que, porventura, seja do vosso querer.  Mas, se sois guiados pelo Espírito, não estais sob a lei.  Ora, as obras da carne são conhecidas e são: prostituição, impureza, lascívia, idolatria, feitiçarias, inimizades, porfias, ciúmes, iras, discórdias, dissensões, facções,  invejas, bebedices, glutonarias e coisas semelhantes a estas, a respeito das quais eu vos declaro, como já, outrora, vos preveni, que não herdarão o reino de Deus os que tais coisas praticam.’’ (Gálatas 5:13-21)


sábado, 16 de fevereiro de 2013

O Brasil é do Senhor Jesus







O Brasil é do Senhor Jesus



    
 O carnaval é a festa mais popular do Brasil. Os sons das músicas carnavalescas predominam em todas as estações de rádio e televisão. Milhões de pessoas tomarão conta de ruas e clubes, como que extasiados.
Carnaval é a festa da carne. Quando alguém fala em carnaval, o que nos vem a mente são desfiles, bailes, imagens de mulheres nuas e homens bêbados. Deus criou o mundo com ''equilíbrio''. Agarrar tudo o que está ao nosso alcance nos transformará em glutões, beberrões, gananciosos, adúlteros, assassinos; um ser humano que se deixe dominar pôr seus desejos espalha destruição ao seu redor.
As raízes do carnaval se estendem desde os tempos antes de Cristo. Era uma festa dos povos pagãos em homenagem aos seus deuses. As pessoas se presenteavam e se entregavam a toda sorte de orgias. Na ilusão de uma ‘’maravilhosa diversão’’, milhões de pessoas são atingidas. Lembremos só as incontáveis separações e os filhos ilegítimos como conseqüência do carnaval. Quantas lágrimas de arrependimento já foram vertidas e não puderam reverter mais nada. O carnaval acaba com os conceitos de pureza, acaba a consciência na festa do ‘’vale-tudo’’, acaba a alma e a pessoa acaba se distanciando mais de Deus.
Deus é santo. Sua palavra nos diz:

 ''Como é que o certo e o errado podem ser companheiros? Como podem viver juntos a luz e a escuridão?''(2 Coríntios 6.14)

Queremos trazer a você o que temos convicção. Convicção porque conhecemos uma alegria diferente, mas verdadeira. Uma alegria não só para algumas horas ou alguns dias. É uma alegria de viver e para toda a vida. Esta é possível encontrar, quando trazemos todo o vazio existente em nossas vidas, toda aquela procura vã ao Senhor Jesus. Ele disse: 

" ... a vossa tristeza se converterá em alegria; ... o vosso coração se alegrará e a vossa alegria ninguém poderá tirar." (João 16.20,22)

Para receber esta alegria, põe-te de joelhos perante o Senhor Jesus e confessa o desejo de receber esta alegria. Entrega-lhe o teu coração e peça que Ele entre em tua  vida e te faça experimentar esta alegria completa.      
Este sim, é o caminho para a alegria verdadeira. Experimente-o!                                                       
O Brasil está enfermo e coberto de maldições porque não tem Jesus como Senhor. Você quer ajudar a sarar esta nação? Jesus é a solução. Comece você entregando sua vida ao Senhor Jesus.
Não vamos mais dizer que o Brasil é o país do carnaval.

     O Brasil é do Senhor Jesus.
     Povo de Deus confesse isso. 

O Carnaval e a Bíblia



                                                                                   
   
                    
  O Carnaval e a Bíblia 

                                                              




            O carnaval é uma festa que o mundo oferece, a festa da carne. Numa chamada ‘liberdade’, todos os seus desejos são liberados. A Bíblia nos diz:

 ‘’Existem muitos que, pela sua maneira de viver, se tornam inimigos da mensagem da morte de Cristo na cruz.  Eles vão para a destruição no inferno porque o deus deles são os desejos do corpo. Eles têm orgulho daquilo que devia ser uma vergonha para eles e pensam somente nas coisas que são deste mundo.  Mas nós somos cidadãos do céu e estamos esperando o nosso Salvador, o Senhor Jesus Cristo, que virá de lá.’’ (Fp 3:18-21)


‘’Não amem o mundo, nem as coisas que há nele. Se vocês amam o mundo, não amam a Deus, o Pai.  Nada que é deste mundo vem do Pai. Os maus desejos da natureza humana, a vontade de ter o que agrada aos olhos e o orgulho pelas coisas da vida, tudo isso não vem do Pai, mas do mundo.  E o mundo passa, com tudo aquilo que as pessoas cobiçam; porém aquele que faz a vontade de Deus vive para sempre.’’ (1 Jo 2:15-17)


‘’Será que vocês não sabem que ser amigo do mundo é ser inimigo de Deus? Quem quiser ser amigo do mundo se torna inimigo de Deus. As Escrituras Sagradas dizem: "Deus é contra os orgulhosos, mas dá graça aos humildes." Portanto, obedeçam a Deus e enfrentem o Diabo, que ele fugirá de vocês. Cheguem perto de Deus, e ele chegará perto de vocês. Lavem as mãos, pecadores! Limpem o coração, hipócritas!’’ (Tg 4:4-8)


‘’Não vivam como vivem as pessoas deste mundo, mas deixem que Deus os transforme por meio de uma completa mudança da mente de vocês. Assim vocês conhecerão a vontade de Deus, isto é, aquilo que é bom, perfeito e agradável a ele.’’ (Rm 12:2)

Jesus orou assim: Não peço que os tires do mundo, mas que os guardes do Maligno.  Assim como eu não sou do mundo, eles também não são.  Que eles sejam teus por meio da verdade; a tua mensagem é a verdade.  Assim como tu me enviaste ao mundo, eu também os enviei... Eu estou unido com eles, e tu estás unido comigo, a fim de que o mundo saiba que me enviaste e que amas os meus seguidores como também me amas. - Pai, quero que, onde eu estiver, aqueles que me deste estejam comigo a fim de que vejam a minha natureza divina, que tu me deste. Eu fiz com que aqueles que me deste te conheçam e continuarei a fazer isso para que o amor que tens por mim esteja neles e para que eu também esteja unido com eles. (Jo 17:15-26)


"Portanto, meus irmãos e minhas irmãs, por causa da grande misericórdia divina, peço que vocês se ofereçam completamente a Deus como um sacrifício vivo, dedicado ao seu serviço e agradável a ele. Esta é a verdadeira adoração que vocês devem oferecer a Deus". (Rm 12:1)

O cristão é considerado anormal, mas o anormal é aquele que achando que vive em liberdade está escravizado aos costumes deste mundo. A carne nos leva à morte, mas o Espírito Santo traz vida. Somos livres para escolher. 

domingo, 3 de fevereiro de 2013

Vivendo Acima do Mundo



 


Vivendo Acima do Mundo






Uma reflexão para carnaval de Dennis Dennis Downing:

"Conta a história de Hadley Page, pioneiro da aviação, que certa vez ele pousou numa área deserta durante uma viagem. Sem que ele percebesse, um rato entrou no avião. Durante a próxima etapa da viagem ele ouviu o som do animal roendo alguma peça do seu pequeno avião. Desconfiado de que era um roedor ele começou a imaginar os danos que o animal poderia causar aos mecanismos frágeis que controlam um avião e também ele estava longe de lugares onde poderia pousar e consertar alguma peça danificada. 

Ele lembrou que um animal como o rato não sobrevive acima de certas altitudes. Então, ele puxou os controles do avião. O avião subiu até que o próprio piloto teve dificuldade em respirar. E som do roedor foi diminuindo até cessar. Quando chegou ao destino ele achou o rato morto atrás da cabine do piloto."

Frequentemente nós, filhos de Deus, somos atormentados pelo pecado que rói nossas vidas simplesmente porque estamos vivendo a uma altitude espiritual muito baixa. Para ver o pecado derrotado em nossas vidas temos que subir para um nível mais alto onde as coisas deste mundo não conseguem sobreviver.


A realidade é que poucos conseguem sair totalmente do mundo. José num porão Egípcio, Daniel na cova dos leões, Paulo e Silas na prisão em Filipos. Nenhum deles tinha para onde "fugir". Mas, no meio da escuridão das suas circunstâncias, todos conseguiram "subir" para a presença de Deus e lá acharam alento e força para permanecerem fieis. Se eles conseguiram, nós também conseguiremos.


Durante épocas como Carnaval, não dá para "brincar". Temos que "subir", quer seja para um retiro espiritual ou para encontros e estudos com irmãos. Se não tivermos outra alternativa, o mínimo que podemos fazer é desligar a televisão, evitar áreas onde há concentrações e focalizar nossas mentes na Palavra de Deus ou em livros edificantes. 

"Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; na verdade, o espírito está pronto, mas a carne é fraca." (Mateus 26:41).


Se não tiver acesso a um retiro da igreja, ou algum grupo de irmãos com o qual possa se encontrar, decida qual trecho da Bíblia você vai conhecer melhor, separe um livro ou alguns filmes edificantes.  


Que Deus lhe ajude nos próximos dias a viver acima do mundo, na presença do Senhor. Ele tem muita coisa boa para compartilhar com você nesses dias. E a festa no Céu que vem depois, não tem outra na terra que se compare!


 (João 8:21; Romanos 8:5-6; Colossenses 3:1-2)